Páginas

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Patrimônio Mundial

Termina em Brasília a 34ª Sessão do Comitê do Patrimônio Mundial da Unesco

O Comitê do Patrimônio Mundial da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) realizou, nesta terça-feira (3), a plenária de encerramento da 34ª Sessão do Comitê do Patrimônio Mundial, que este ano ocorreu em Brasília e foi presidida pelo ministro da Cultura, Juca Ferreira. A reunião consolidou as decisões tomadas nos últimos dez dias, discutiu o futuro do Comitê e escolheu os novos membros do secretariado.

“Os debates foram relevantes para aumentar a importância dos países em desenvolvimento dentro da Unesco e, particularmente, na assembleia dessa convenção. Os temas tratados aqui apontaram a necessidade de uma harmonização maior entre a Europa, os Estados Unidos e o resto do mundo”, avalia Juca Ferreira. No discurso de encerramento, o ministro reiterou a expectativa de aumento no número de bens na lista, deu boas vindas ao novo secretariado e convidou os participantes e retornarem ao Brasil. Juca Ferreira agradeceu, ainda, ao diretor do Centro do Patrimônio Mundial, Francesco Bandarin, pelos serviços prestados à Convenção do Patrimônio Mundial e à Unesco.

A cerimônia marcou a despedida de Bandarin do cargo em que ele presenciou a aprovação de quase 2.400 decisões do Comitê e percorreu mais de 1 milhão de quilômetros, nos mil dias em que visitou mais de cem países. Os números foram a deixa para a despedida ser embalada ao som do tema de Indiana Jones, enquanto o telão exibia fotos dos dez anos em que Bandarin dirigiu o Centro. Agora ele será o novo diretor-geral assistente de Cultura da Unesco.

Quem assume a presidência do Comitê é a ministra da Cultura do Bahrein, Shaikha Mai bint Mohammed Al Khalifa. Ela não estava presente, mas gravou um vídeo em que agradece a escolha, dá boas vindas em nome do povo do Bahrein, que sediará a 35ª Sessão do Comitê, de 19 a 29 de junho de 2011. A plenária elegeu, ainda, os países que ocuparão os cargos de relatoria e vice-presidência até o ano que vem. Os novos vice-presidentes serão os representantes escolhidos pelas delegações da África do Sul, Barbados, Camboja, Estônia e Suíça. Já a relatoria ficará com o Mali.

Durante a reunião, as delegações da Índia, da Tailândia e do Camboja se candidataram a sediar a 36ª Sessão do Comitê do Patrimônio Mundial, em 2012, mas o assunto só será discutido na reunião de 2011. Até lá, outros países podem se candidatar, e as atuais candidaturas podem ser retiradas. A Suíça também se dispôs a sediar o encontro, mas, nesse caso, em 2013.

Fonte: (Comunicação Social/MinC)
http://www.cultura.gov.br/site/2010/08/03/patrimonio-mundial-5/

Nenhum comentário: