Páginas

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Encontro dos Povos Guarani da América do Sul

Representantes do MinC articulam a participação de indígenas Guarani de outros países no evento

O Ministério da Cultura, por meio da Secretaria da Identidade e da Diversidade Cultural, promoverá o primeiro Encontro dos Povos Guarani da América do Sul, entre os dias 20 e 24 de outubro, no Brasil.

O evento será realizado na aldeia Guyra Roka, de indígenas Guarani Kaiowá, comunidade localizada a pouco mais de 30 km da cidade de Dourados, no Mato Grosso do Sul.

A iniciativa contará com a parceria da Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República (SEDH-PR), Fundação Nacional do Índio (Funai), do Ministério da Justiça, e Comitê Gestor de Ações Indigenistas Integradas da Grande Dourados. A expectativa dos organizadores é reunir cerca de 750 indígenas, sendo 300 sul-mato-grossenses e 450 dos demais estados brasileiros e de outros países sul-americanos.

A proposta do encontro foi apresentada ao ministro da Cultura do Paraguai, Tício Escobar, nesta terça-feira, 11 de agosto, em Assunção, pelo secretário da Identidade e da Diversidade Cultural do Minc, Américo Córdula.

Na semana passada, ele reuniu-se com o vice-ministro de Descolonização da Bolívia para articular a presença de representantes daquele país no evento. Atualmente, cerca de 60 mil Guarani participam ativamente da política do governo Evo Morales que, recentemente, determinou a autonomia dos povos indígenas. A delegação boliviana no encontro será composta por 45 indígenas de várias regiões.

No dia 29 de julho, uma comitiva do MinC composta por representantes da SID e da Diretoria de Relações Internas, realizou uma reunião em Montevidéu para apresentar às autoridades do Uruguai o projeto da primeira edição do encontro, com o objetivo de dar início à mobilização dos Guarani que vivem no território uruguaio.

Segundo o secretário Américo Córdula, essa série de reuniões é importante para viabilizar a participação de representantes de todos os países da América do Sul que possuem comunidades do Povo Guarani: Brasil, Uruguai, Bolívia, Paraguai e Argentina (próximo país a ser visitado). A ideia da proposta é tornar possível uma ampla troca de experiências e vivência coletiva dos saberes, das formas de expressão e das celebrações do patrimônio cultural dos Guarani.

O Encontro dos Povos Guarani da América do Sul concretizará um dos consensos emitidos pelos dez ministros de Cultura integrantes do Mercosul Cultural, por ocasião da última reunião ocorrida em Assunção. A iniciativa também contará com o apoio da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) e da Organização dos Estados Americanos (OEA).

(Comunicação SID/MinC)
Fonte: http://www.cultura.gov.br/site/2009/08/11/encontro-dos-povos-guarani-da-america-do-sul-2/

Nenhum comentário: