Páginas

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Cine Mais Cultura em Pernambuco

MinC lança primeiro edital estadual para a seleção de projetos voltados à exibição de obras audiovisuais

Ação integra o Programa Mais Cultura da Agenda Social do Governo Federal

O município de Triunfo, no sertão pernambucano, sediará o lançamento do primeiro edital estadual para a seleção de Cines Mais Cultura. O evento será na quinta-feira, 6 de agosto, às 19h, no Cine Teatro Guarany, em meio ao 2º Festival de Cinema de Triunfo, e contará com a presença da coordenadora de ações do Programa Mais Cultura, Mônica Monteiro, do coordenador executivo do Cine Mais Cultura, Frederico Cardoso, e da presidente da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe), Luciana Azevêdo, representando o governador Eduardo Campos.

O edital selecionará 60 projetos de entidades privadas sem fins lucrativos que desenvolvam ou queiram desenvolver ações de exibição de obras audiovisuais e contribuir para a formação de plateias e o fomento do pensamento crítico, tendo como principal base obras audiovisuais brasileiras.

As inscrições devem ser feitas de 7 de agosto a 6 de outubro deste ano. As iniciativas selecionadas receberão kit com telão (4mx3m), câmera digital, aparelho de DVD, projetor, mesa de som de quatro canais, caixas de som, amplificador, microfones sem fio, dentre outros equipamentos. O kit contém acervo com centenas de filmes brasileiros (curtas, médias e longas-metragens, documentários e animações) selecionados pela Programadora Brasil para exibições semanais nos Cines. A Programadora reúne hoje acervo com mais de 300 obras, organizadas em 104 programas (DVDs).

Apenas 8,7% dos municípios brasileiros possuem salas comerciais de cinema, revela a Pesquisa de Informações Básicas Municipais (Munic) de 2006, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O Cine Mais Cultura é uma ação do Programa Mais Cultura para promover o acesso da população a obras audiovisuais e apoiar a difusão da produção audiovisual brasileira por meio da exibição não comercial de filmes. A prioridade é atender localidades rurais e urbanas que não possuem cinema, localizadas nos Territórios da Cidadania e nas periferias dos grandes centros urbanos.

“Lançar os editais separadamente em cada estado brasileiro, respeitando as suas realidades, é imprescindível para ampliar a ação”, afirma Frederico Cardoso. Ele explica que após o processo de seleção, os 60 novos Cines pernambucanos passarão a existir em rede, levando à população obras audiovisuais brasileiras e incentivando o debates em torno das mesmas.

Capacitação – Além de fornecer equipamentos e acervo, o Cine Mais Cultura realiza oficinas de capacitação cineclubista, com o objetivo de qualificar os participantes para a realização de programação, divulgação e debates das sessões; apoiar a formação dos oficinandos com introdução à história do cinema e linguagem cinematográfica; prestar informações sobre questões relevantes e atuais relativas à atividade exibidora, como direitos autorais e sustentabilidade. O trabalho é desenvolvido com apoio de um manual produzido em parceria com o Conselho Nacional de Cineclubes Brasileiros (CNC).

Parceria – O edital estadual é fruto de uma parceria entre o Ministério da Cultura e o Governo de Pernambuco para a implantação descentralizada das ações do Mais Cultura. O Programa integra a Agenda Social do Governo Federal e marca o reconhecimento da Cultura como necessidade básica e importante vetor para o desenvolvimento social, econômico e sustentável do país. Tem como principal objetivo promover o acesso da população, especialmente jovens da classe C, D e E, aos bens e serviços culturais.

Inscrições – As inscrições são gratuitas e os projetos devem ser enviados para a Sede da Fundarpe (Rua da Aurora, nº 457, Boa Vista, Recife, CEP 50.050-000), aos cuidados da Diretoria de Fomento e Formação.

Seleção – A seleção será realizada por Comissão de Avaliação composta por representantes do Ministério da Cultura, da Fundarpe, de entidades do setor audiovisual e da sociedade civil. O resultado será divulgado no Diário Oficial da União, no Diário Oficial do Governo do Estado de Pernambuco e nas páginas eletrônicas do Programa Mais Cultura (mais.cultura.gov.br), da ação Cine Mais Cultura (www.cinemaiscultura.org.br), da Programadora Brasil (www.programadorabrasil.org.br), dos Territórios da Cidadania (www.territoriosdacidadania.gov.br) e da Fundarpe (www.fundarpe.pe.gov.br).

Fonte: http://www.cultura.gov.br/site/2009/08/05/mais-cultura-em-pernambuco-3/
(Rafael Ely, SAI/MinC)

Nenhum comentário: